.posts recentes

. LINHA DO TUA

. CCDR trava prospecções no...

. Adorei este artigo!

. Factura EDP

. Os lobos da governança

. Convite para audição públ...

. Presidente do INAG desmen...

. Barragem de Foz Tua

. A todos os amigos e visit...

. Partido “Os Verdes” diz q...

. Montesinho terá energia e...

. O Governo ainda não sabe ...

. Barragem do Tua

. Governo aprova Programa N...

. Tente acertar!

. Este blog também está de ...

. Gato Fedorento / para rir

. República dos bananas

. As mãos limpas

. Autocarro avariado acende...

. Homenagem A Florencia e à...

. Salvem a Linha do Tua

. Debate em Mirandela - Inf...

. Estalou o verniz ao Gover...

. Barragem vai afogar linha...

. Contra o fecho da Urgênci...

. Tratados como animais!

. A minha mãe partiu para o...

. Água castanha obriga Câma...

. Funcionários públicos - A...

. A lei da selva

. Mais pobres pagam cada ve...

. Música medieval em Carraz...

. Imagens do blog do amigo ...

. Ministra da Educação - Ga...

. Encerramento das Urgência...

. As grandes questões do no...

. Ministro da má saúde dos ...

. Parque de campismo flutua...

. os perigos de dizer a ver...

. "Faça dos outros estúpido...

. O deserto da Margem Sul

. O Engenheiro Areias / Est...

. Apoio à Greve Geral

. A 30 de Maio os trabalhad...

. convite

. As imagens valem por mil ...

. Mapa de Portugal

. Última hora / Murça: mini...

. Sócrates pediu o esforço ...

.arquivos

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.Fazer olhinhos

.Sergei cartoons


Cartoons, Caricatures, Comic Strips & much more!

Estou no Blog.com.pt

Sábado, 28 de Abril de 2007

Esta não podia deixar passar! "Em cada 100€"

Em cada 100 euros que o patrão paga pela minha força de trabalho, o
Estado, e muito bem, tira-me 20 euros para o IRS e 11 euros para a Segurança Social.


O meu patrão, por cada 100 euros que paga pela minha força de trabalho, é obrigado a dar ao Estado, e muito bem, mais 23,75 euros para a Segurança Social.

E por cada 100 euros de riqueza que eu produzo, o Estado, e muito bem, retira ao meu patrão outros 33 euros.

Cada vez que eu, no supermercado, gasto os 100 euros que o meu patrão pagou, o Estado, e muito bem, fica com 21 euros para si.

Em resumo:

  • Quando ganho 100 euros, o Estado fica quase com 55.

  • Quando gasto 100 euros, o Estado, no mínimo, cobra 21.

  • Quando lucro 100 euros, o Estado enriquece 33.

  • Quando compro um carro, uma casa, herdo um quadro, registo os meus negócios ou peço uma certidão, o Estado, e muito bem, fica com quase metade das verbas envolvidas no caso.

Eu pago e acho muito bem, portanto exijo:

  • um sistema de ensino que garanta cultura, civismo e futuro emprego para os meus filhos.

  • Serviços de saúde exemplares. Um hospital bem equipado a menos de 20 km da minha casa.

  • Estradas largas, sem buracos e bem sinalizadas em todo o país. Auto-estradas sem portagens.

  • Pontes que não caiam.

  • Tribunais com capacidade para decidir processos em menos de um ano.

  • Uma máquina fiscal que cobre igualitariamente os impostos.

Eu pago, e por isso quero ter, quando lá chegar:

  • a reforma garantida e jardins públicos e espaços verdes bem tratados e seguros.

  •  Polícia eficiente e equipada.

  • Os monumentos do meu País bem conservados e abertos ao público, uma orquestra sinfónica.

     
  • Filmes criados em Portugal. E, no mínimo, que não haja
    um único caso de fome e miséria nesta terra.

      

    Na pior das hipóteses, cada 300 euros em circulação em Portugal garantem ao Estado 100 euros de receita. 


    Portanto, Sr. Primeiro-ministro, governe-se com o dinheirinho que lhe dou porque eu quero e tenho direito a tudo isto.

    Um português contribuinte.

     Recebido por mail.

     

     


publicado por laura_ceu às 19:59

link do post | comentar | favorito
|

3 comentários:
De Ana a 29 de Abril de 2007 às 12:50
Ora aqui está uma grande verdade.
Eles comem tudo, não deixam nada!
Um abraço
Ana


De Luís a 29 de Abril de 2007 às 12:53
São uns papalvos, fascistas, estão a tirar-nos tudo!
Eu já estou de tanga assim como muitos portugueses.


De Marta a 29 de Abril de 2007 às 12:58
Nós enchemos-lhes os bolsos, eles roubam-nos à descarada, e vão-se safando com brutos ordenados enquanto nós passamos a vida a apertar o cinto!


Comentar post


Cadastre-se no Trafegando - Divulgue Seu Site Gratuitamente e aumente suas visitas gratuitamente!

.mais sobre mim

.pesquisar

 

<script

.tags

. todas as tags